• Programação
  • Mesas e Oficinas
  • Histórico
  • O Festival
  • Plano Conjunto
  • O Festival

    5º Filma Bauru

    O 5º Filma Bauru é realizado pelo Plano Conjunto - Coletivo Audiovisual de Bauru, por meio do Programa de Ação Cultural - ProAC, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo.

    Esta edição inclui uma Mostra Competitiva de curtas-metragens nas categorias de ficção, documentário e animação, e uma Mostra Não Competitiva de curtas experimentais, videoclipes e videoartes.

    Na Mostra Competitiva, os filmes concorrem aos prêmios de Melhor Curta-metragem de cada categoria e ao Prêmio do Júri Popular, por votação aberta. A inscrição de filmes e o acesso à programação são totalmente gratuitos.

    Formação: Oficinas e Palestras

    Além das mostras, o Festival conta com atividades formativas gratuitas, online e presenciais, como oficinas de crítica cinematográfica (online), oficinas de criação de curtas-metragens para jovens (presencial) e mesas redondas voltadas ao aprimoramento de profissionais e estudantes da área (online - youtube.com/filmabauru).


    Curadoria

    Elisa Schpallir Silva

    Elissa Schpallir é produtora audiovisual com graduação em Rádio e TV e mestrado pela Unesp/Bauru. Trabalha com produção geral e produção de objetos em videoclipes, filmes publicitários, longas e séries para Streamings como Netflix, Globoplay, HBO Max e Amazon Prime Video


    Evandro Souza

    Formado em Produção Audiovisual pelas Faculdades Integradas de Bauru, com especialização em Produção Executiva para Cinema e TV pela Academia Internacional de Cinema, Evandro foi responsável por 10 curtas-metragens, um média, e um longa-metragem, entre documentários, ficções e videoartes. Com estes trabalhos, recebeu cerca de 55 louros em festivais nacionais e internacionais, em lugares como EUA, Turquia, Itália, França, Índia, Marrocos e Brasil.


    Vitória Galhardo

    Professora, pesquisadora, e produtora audiovisual. Mestra e doutoranda em Comunicação Midiática (UNESP- Bauru). Investiga o cinema e a imagem e sua relação com o corpo, intimidade e afetividade do espectador. Participou como curadora em três edições do Filma Bauru e das produções: "História do Olho Performance" (2015); "Cítrica" (2017); "Dafnes" (2018).


    Comissão Julgadora

    Alexandre Ramos Vasques

    Possui mestrado em Imagem e Som pela Universidade Federal de São Carlos e graduação em Comunicação Social pela Universidade Federal Fluminense, com habilitação em Cinema. Tem experiência profissional na área de Preservação Audiovisual, tendo trabalhado na Cinemateca do MAM e na Cinemateca Brasileira, além de ter integrado por duas gestões a diretoria da Associação Brasileira de Preservação Audiovisual (ABPA). Atualmente, é Animador Cultural no Sesc SP.


    Carolina Nishikubo

    Trabalhou nas séries da Netflix "Todo dia a Mesma Noite" e "Coisa Mais Linda" como assistente de roteiro. Foi roteirista colaboradora no filme “Turma da Mônica – Laços” e "Reação em Cadeia". Também foi assistente de roteiro do filme “A viagem de Pedro”. Roteirista do piloto da série “De Menor” e do longa de animação infantil "O Menino Monstro" (em desenvolvimento). Formada em Rádio e TV pela Unesp, com especialização em Roteiro pela UCLA Extension. É autora da série Rima das Minas, que foi semifinalista do concurso de roteiros do Festival Cabíria.


    Juliana Borges

    Documentarista e roteirista. Moradora de Ilhabela, no Litoral Norte de São Paulo, é uma das organizadoras do Citronela Doc - Festival de Documentários de Ilhabela e integrante do Conselho Municipal de Políticas Culturais da cidade.


    Marcelo Marchi

    Roteirista das séries Boca a Boca (Netflix), Marias (Sony) e Sociedade da Virtude, dos programas Queimando a Língua (Jovem Nerd) e Saca Rolha (Band News FM) e da HQ “Bilhetes”, vencedora do Troféu Angelo Agostini (Melhor Roteirista e Lançamento Independente). Foi professor do Instituto de Cinema e, atualmente, dos cursos de Pós-Graduação em Roteiro Audiovisual, Tecnologia em Fotografia e Bacharelado em Audiovisual do SENAC, além de ministrar cursos de roteiro próprios para cinema e TV.


    Maíra Oliveira

    Roteirista, diretora e educadora, graduada pela UERJ. Autora dos livros infantis “Mari, a sementinha” (Ed. Nandyala) e “Que saudade da minha vó!” (Ed. Oriki), de diversas antologias e dos espetáculos teatrais “Yabá: Mulheres Negras” e “Duas Fridas”. É professora de roteiro e consultora de projetos audiovisuais, atuante em prêmios, laboratórios e outros processos formativos em roteiro. Dirigiu o filme “Encruza” (melhor filme no Festival Afronte!). Roteirista do projeto “Um Ano Inesquecível” nos filmes “Primavera” e “Verão” (Panorâmica/Amazon), “Papai é pop” (Pródigo/Galeria – finalista do 220 Grande Prêmio do Cinema Brasileiro), “Ricos de Amor 2” (Ananã/Netflix), do programa infantil “Quintal TV” (Delicatessen/Canal Futura – eleito Best Live-Action Television no 39th Chicago International Children’s Film Festival) e da série “Mila no Multiverso” (Boutique Filmes/Disney+). Criou o argumento da série “A Magia de Aruna” da (Formata/Disney+), assinando também como roteirista-chefe. Atuou ativamente no desenvolvimento de mais de 30 projetos audiovisuais, para Globo, Disney+, Canal Brasil, Netflix, Paramount e HBO em parceria com as principais produtoras do país. Foi Presidente da Associação Brasileira de Autores Roteiristas (ABRA) de 2021/2022 e atualmente é Conselheira do sudeste da Associação de Profissionais do Audiovisual Negro.


    Equipe

    • Coordenação Geral Paula Marques
    • Produção Executiva Liene Saddi
    • Produção Ana Heloíza Pessotto, Guilherme Lima e Rene Lopez
    • Assistência de Produção Luís dos Santos Miguel
    • Coordenação Artística das Mostras Elissa Schpallir Silva
    • Assessoria de Comunicação Larissa Bastos
    • Identidade Visual e Layout Website André Turtelli Poles
    • Programação Website Fabio Cardoso